Revalida: João Daniel apela ao MEC e Inep para realização da segunda etapa da prova


 

Aracaju, 07 de março de 2018

 

Diante dos apelos que têm recebido de médicos e familiares de alunos formados em Medicina em universidades estrangeiras, o deputado federal João Daniel (PT/SE) usou a tribuna da Câmara, na sessão desta quarta-feira, dia 7, para fazer um apelo ao Ministério da Educação e o Inep para que seja marcada a data da prova da segunda etapa do Revalida 2017 – Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras. Segundo o parlamentar, milhares de estudantes realizaram a prova da primeira etapa, mas a da segunda foi desmarcada e não há previsão de uma nova data.

 

Em seu discurso, João Daniel relatou que no último domingo foi procurado por formados e por pais de estudantes que foram aprovados na primeira fase e aguardam a conclusão do Revalida. Pelo edital, esta prova deveria ser aplicada nos dias 10 e 11 de março deste ano, mas não se tem data de quando será realizada. “Por isso apelo para que marquem a segunda prova, para que esses médicos realizem e possam atuar no Brasil, colocando seu conhecimento adquirido a serviço da nossa população”, disse João Daniel.

 

O Revalida é uma prova criada pelos Ministérios da Educação e da Saúde para o reconhecimento de diplomas de Medicina emitidos por instituições de ensino estrangeiras. Só sendo aprovado por nele o médico formado no exterior pode atuar no Brasil, tendo seu diploma reconhecido e depois solicitar a autorização para trabalhar ao Conselho Regional de Medicina.

 

Por Edjane Oliveira, da Assessoria de Imprensa