João Daniel cobra retomada de programas de habitação e Conferência das Cidades, durante reunião com ministro das Cidades


Aracaju, 30 de abril de 2018

 

 

O deputado federal João Lula Daniel (PT/SE) participou de reunião oficial da Comissão de Desenvolvimento Urbano (CDU), da Câmara dos Deputados, com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy. Ele esteve acompanhado da deputada Margarida Lula Salomão (PT/MG), que preside a CDU, da qual o petista de Sergipe e vice, entre outros parlamentares da bancada. Na oportunidade, eles convidaram o ministro para fazer uma exposição na Comissão, com a presença de representantes dos movimentos sociais, rurais e urbanos, o que deve acontecer ainda na primeira quinzena do mês de maio.

 

Segundo o deputado João Daniel, durante a visita, também foi cobrado do responsável pela pasta a retomada do que foi paralisado desde o início do governo golpista de Michel Temer, a exemplo do Conselho das Cidades e a realização da Conferência Nacional das Cidades. “Durante a reunião, o ministro assumiu o compromisso de dar andamento nas reuniões do Conselho e garantiu dar condições para a realização da Conferência”, relatou.

 

Para o parlamentar, tanto o Conselho quanto a Conferência tem uma importância significativa. “Foi uma conquista dos movimentos e da sociedade brasileira e durante os governos Lula e Dilma a população pode participar, debater e elaborar políticas públicas nas áreas de habitação, mobilidade urbana e saneamento, através das conferências municipais, estaduais e nacional. Portanto, a Conferência é um espaço de debates e de participação popular”, explicou.

 

O deputado João Lula Daniel acrescentou que, durante a reunião, ele apresentou sua preocupação com o andamento dos Programas Nacionais de Habitação Rural e Urbano (PNHR e PNHU) de interesse social das entidades da sociedade civil organizada, bem como as obras que estão paralisadas através do programa de habitação que é construído diretamente por empresas e os bancos. “Cobramos para que seja dado esclarecimento sobre essa paralisação e medidas para que sejam retomados os programas”, disse, acrescentando que também se comprometeu em fazer uma reunião sobre as demandas e problemas de Sergipe com o ministro.

 

No encontro com o ministro, também foi colocada a preocupação com uma legislação apresentada pelo governo federal, que vem sendo discutida, com relação à questão do saneamento. “Nós defendemos que o saneamento seja de interesse social e público, que as empresas estejam como uma parte importante da sociedade brasileira na mão e sob controle social e do Estado”, frisou João Lula Daniel.

 

Por Edjane Oliveira, da Assessoria de Imprensa