Plenária do mandato de João Daniel reúne lideranças políticas e movimentos populares


 

Aracaju, 22 de julho de 2018

 

 

 

Lideranças políticas e comunitárias de todas as regiões de Sergipe e representantes de movimentos sociais e populares estiveram presentes à plenária do mandato do deputado federal João Daniel (PT), realizada neste sábado, dia 21, no auditório do Sindicato dos Bancários, em Aracaju, que ficou lotado. Além de um momento de balanço dos três anos e meio de mandato federal, o ato proporcionou também uma análise da atual conjuntura política nacional e em Sergipe e contou com a participação de João Paulo Rodrigues, integrante da Direção Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) e Via Campesina.

 

A plenária foi marcada pela importante representatividade de lideranças políticas e movimentos sociais e sindicais apoiadoras do mandato. Representantes de 63 municípios estiveram no evento. Marcaram presença os prefeitos de Aquidabã, Dr. Mário Lucena; e de São Domingos, Pedrinho Silva; e o secretário de Cultura de São Cristóvão, representando o prefeito Marcos Santana; os vice-prefeitos de Boquim, Chicão Almeida, e Areia Branca, Francisco Chagas; vereadores e ex-vereadores; os ex-prefeitos de Poço Redondo, Roberto Araújo; de Porto da Folha, Manoel de Rosinha; e de Gararu, Iraci Alves; presidentes de diretórios municipais do Partido dos Trabalhadores de vários municípios; e os pré-candidatos ao Senado Rogério Carvalho e Jackson Barreto.

 

Isadora emocionou a todos

Um momento de muita emoção marcou o início da plenária, com a homenagem feita pela estudante Isadora Leite, 17 anos, do município de Poço Redondo, que este ano pela primeira vez irá votar. A jovem apresentou um cordel feito por ela em homenagem ao deputado João Daniel e outro para o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

 

João Daniel agradeceu a presença de todos que compareceram ao encontro e ressaltou a responsabilidade que é estar representando tantos movimentos populares, os trabalhadores e administrações progressistas. “Não temos nenhuma dúvida de que nós temos um time grande, organizado. E vocês nos dão uma grande responsabilidade, de todos os movimentos sociais que fazem a luta da classe trabalhadora e as administrações progressistas”, disse, ao acrescentar que esta é uma eleição para politizar e mostrar ao eleitor por que o país piorou tanto nos últimos dois anos, depois do golpe contra a presidenta Dilma Rousseff.

 

Representante do povo

Ao fazer uma análise do atual momento político pelo qual passa o Brasil, o dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), João Paulo Rodrigues, observou que é extremamente importante que o conjunto da militância e da classe trabalhadora esteja preparado para as próximas batalhas, pois este é momento de resistência. “Mas quero aqui fazer um reconhecimento público da importância que tem sido o mandato de deputado federal de João Daniel”, disse, ao afirmar sua atuação firme em defesa do conjunto da classe trabalhadora e do Brasil.

 

João Paulo Rodrigues MST: “Este é um momento de resistência”

Em suas falas, os representantes de movimentos sociais e sindicatos foram unânimes em ressaltar a importância do mandato popular do deputado federal João Daniel na conjuntura política dos últimos anos, marcada pelo golpe e retirada de direitos que tem promovido, bem como o ataque à soberania, tendo sido, sua atuação, um ponto de resistência e luta nesse cenário. O representante da Direção Nacional do MST em Sergipe, Pimenta, destacou o grande trabalho feito pelo companheiro de movimento no estado e pelo Brasil. “É um grande militante e grande deputado, que representa a classe trabalhadora e todos esses movimentos, do campo e da cidade, e os que acreditam que é possível termos um país mais justo”, afirmou.

 

O dirigente estadual do Movimento Camponês Popular (MCP), Philippe Caetano, ressaltou que nos momentos de acirramento da luta João Daniel esteve junto com o conjunto dos movimentos sociais e sindicais e toda classe trabalhadora. “É um deputado que atua não só a favor do MST, mas de toda classe trabalhadora”, colocou. Representando a Consulta Popular, Lali Alves classificou o mandato do deputado João Daniel como um polo de resistência nesse momento de golpe. “Esse é o momento de arregaçar as mangas e dialogar com o povo”.

 

Falando pelos integrantes do Motu, Dalva da Graça ressaltou que mesmo nesse cenário de desmonte, os inimigos não podem tirar a coragem de lutar. “É possível construir e ter direitos sociais, para fortalecer a classe trabalhadora”, disse, ao frisar a importância de fortalecer a militância e o trabalho de base. O presidente do Diretório Central dos Estudantes (DCE) do Instituto Federal de Sergipe (IFS), Jorge Santos, afirmou que a atuação de João Daniel representa o povo, pois ele sempre votou a favor do trabalhador.

 

O presidente estadual do Partido dos Trabalhadores e pré-candidato ao Senado Rogério Carvalho fez uma retrospectiva de todas as conquistas dos brasileiros durante os anos dos governos petistas que vêm sendo agora desconstruídas. Ele destacou que João Daniel representa a luta por mais direitos e igualdade e como a sua atuação como deputado mostra a clareza que ele tem de quem está representando em Brasília. O ex-governador e também pré-candidato ao Senado, Jackson Barreto, fez questão de dizer que João Daniel faz um mandato popular, voltado para os interesses populares, com lealdade aos trabalhadores.

 

Defesa do trabalhador

Diversos dirigentes sindicais destacaram a atuação firme e constante do deputado João Daniel em defesa dos trabalhadores, especialmente neste período em que seus direitos foram atacados com a reforma Trabalhista e mais ameaçados ainda com a reforma da Previdência e outros desmontes. Vinicius Ribeiro, presidente do Sacema, que representa agentes comunitários de saúde e de endemias, deu seu depoimento de tudo quanto este parlamentar tem feito na defesa da categoria.

 

“João Daniel sempre esteve em nosso lado, com o seu mandato a serviço da nossa categoria. Travamos batalhas no Congresso e tivemos apoio incondicional do deputado”. Apoio também referendado pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Construção Civil (Sintracon), Raimundo Reis, e pelo representante do Sindicato dos Mineiros (Sindimina), Capelão, o presidente da Federação dos Trabalhadores do Comércio (Fecomse), Ronildo Almeida, entre outros.

 

A representante do Fórum de Religiões de Matriz Africana, Lígia Borges, agradeceu a visão acolhedora do mandato, diante de tantos atos de intolerância. “É uma satisfação estar junto de vocês nessa luta. É muito importante ter alguém que olhe para a gente, que se preocupe com nossas demandas e este mandato tem sido presente”, declarou.

 

Municípios

Os administradores municipais presentes também ressaltaram a importância do mandato de João Daniel e o apoio que ele vem dando às Prefeituras, que passam por momentos de dificuldade. O prefeito de São Domingos, Pedrinho Silva, falou do homem de compromisso que João Daniel é e destacou seu apoio ao município. O prefeito de Aquidabã, dr. Mário Lucena, também registrou o trabalho atuante, incansável do deputado petista, que percorre todo estado, levando seu trabalho e seu apoio por todo Sergipe. “Nunca vi um homem percorrer tanto o nosso estado. Ele conhece cada lugar, cada povoado”.  Segundo ele, somente para Aquidabã foram mais de R$ 5 milhões em emendas parlamentares destinadas por João Daniel. O secretário de Cultura de São Cristóvão, que representou o prefeito Marcos Santana, destacou as emendas parlamentares enviadas pelo deputado para o município que têm ajudado muito as áreas da saúde, cultura e infraestrutura, além do apoio político.

 

O evento contou ainda com a presença do Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Coletivo Quilombo, Levante Popular da Juventude, dos Sindicatos dos Trabalhadores da Deso (Sindisan), Sindicato dos Eletricitários (Sinergia), Sindicato dos Taxistas de Sergipe (Sintax), dos secretários de estado da Casa Civil, Conceição Vieira, que representou o governador Belivaldo Chagas; do Meio Ambiente, Olivier Chagas; e de Agricultura, Rose Rodrigues; o diretor presidente da Emdagro, Jefferson Feitoza; o gerente do Programa do Crédito Fundiário em Sergipe, Carlos Fontenele; o ex-superintendente do Incra, André Bomfim; o deputado estadual Francisco Gualberto; e o pré-candidato a deputado estadual Esmeraldo Leal; do economista Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos em Sergipe (Dieese/SE), Luís Moura, entre outros.

 

Por Edjane Oliveira e Whagner Alcântara

Fotos: Márcio Garcez