João Daniel registra visita de equipe da SES a Poço Redondo e destaca compromissos assumidos


 

  

Edjane Oliveira, da Assessoria Parlamentar

 

 

O deputado João Daniel (PT) acompanhou a visita feita pela secretária de Estado da Saúde, Joélia Silva Santos, e sua equipe ao município de Poço Redondo, ocorrida na terça-feira, dia 3. Em pronunciamento feito na sessão desta quarta, dia 4, o parlamentar registrou tudo que aconteceu. Segundo ele, foi realizada uma reunião com o prefeito do município, Roberto Araújo, a secretária municipal de Saúde, Edileuza Vieira dos Santos, e representantes da Câmara de Vereadores. Em seguida, foram visitados todos os locais onde há atendimento à saúde naquele município.

 

Foram visitados a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), a Clínica da Saúde da Família e a base do Samu. “Pudemos constatar a necessidade de cada dia mais melhorar o atendimento à saúde e, ao mesmo tempo, a grande luta feita pela atual Secretaria e a gestão municipal na saúde”, destacou.

 

João Daniel informou que na ocasião vários compromissos foram assumidos, dentro do que a secretária Joélia Silva podia se comprometer. Entre eles, o retorno do funcionamento da base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) no município, a partir do início do mês de outubro. Outro ponto foi a possibilidade de o Estado assumir a UPA de Poço Redondo, uma vez que esta é a única grande unidade de saúde para atender toda região atualmente, pois o Hospital de Canindé ainda está em obras.

 

Além disso, o deputado disse que houve o compromisso para outros projetos, como o da implementação da praça da Academia da Cidade. “Tivemos a oportunidade de visitar a praça Antônio Conselheiro, no centro de Poço Redondo, que ainda não está feita e onde poderá ser implantada a Academia da Cidade”, disse.

 

O deputado João Daniel parabenizou o governo do Estado, em nome da secretária Joélia Silva, que ouviu os encaminhamentos dos gestores de Poço Redondo, foi ao município visitar esses equipamentos de saúde e assumiu esses compromissos. Parabenizou também o prefeito Roberto Araújo e sua equipe de Saúde, coordenada pela secretária Edileuza Vieira, que todos juntos com a secretária Joélia viram e ouviram os anseios e discutiram soluções para a saúde na região do Alto Sertão e, especificamente, em Poço Redondo.

 

Ele disse que também na oportunidade foi possível ouvir a médica Quinô Cristina dos Santos, filha de assentados do município de Poço Redondo, formada em Medicina em Cuba. Segundo o deputado, ela deu um depoimento sobre a importância da vinda dos médicos cubanos para atender em locais que precisa no Brasil. “Ela falou também do compromisso dela como filha de Poço Redondo, filha de uma família de trabalhadores, com esse novo modelo de saúde”, acrescentou.

 

O prefeito de Poço Redondo, Roberto Araújo, classificou como muito importante a visita da secretária Joélia Silva e sua equipe ao município. Ele destacou entre os principais compromissos assumidos o de procurar, nesses próximos 15 dias, viabilizar uma maneira de continuar mantendo a UPA funcionando em suas atuais condições. Ele disse que de janeiro até o momento foram mais de 17 mil atendimentos e apenas 2% desse total de pacientes precisaram ser transferidos para Aracaju.

 

No entanto, disse ele, o município não tem como arcar com a maior parte das despesas para mantê-la funcionando. Segundo ele, o município R$ 170 mil de repasse de verbas governamentais (sendo R$ 125 mil do governo federal e R$ 45 do governo estadual), mas a despesa mensal para que ela funcione é de R$ 484 mil. Com isso, o município acaba tendo que colocar mais de R$ 300 mil para o funcionamento da UPA. “Ela se comprometeu nesses 15 dias ver todos os custos, sentar para avaliar se tem como o Estado assumir a UPA ou viabilizar mais recursos”, disse.