João Daniel intermedeia conversa de carcinicultores com Jackson Barreto


 

Click para ampliar

Procurado por pequenos criadores de camarão, o deputado João Daniel (PT) intermediou a conversa de um grupo de representantes dos produtores com o governador Jackson Barreto. O encontro aconteceu logo após a abertura dos trabalhos legislativos da Assembleia em 2014, ocorrida na tarde de segunda-feira, dia 17. Os carcinicultores queriam conversar com o governador para pedir a mediação dele, no que se refere aos embargos que estão sendo feitos em algumas propriedades, mesmo de produtores que estão amparados pelo novo Código Florestal.

 

A representação do grupo – formada pelo vice-presidente da Associação dos Maricultores Ecológicos de Sergipe (AMES), Alexsandro Monteiro dos Santos; os também diretores da AMES Alberto Campos e Wellington Cavalcante Coutinho; e o assessor jurídico da Associação Brasileira de Criadores de Camarão (ABCC), Marcelo Palma – foi apresentada ao governador Jackson Barreto pelo deputado João Daniel. Na oportunidade, já foi marcada uma audiência com representantes da Casa Civil e da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema), para a próxima sexta-feira, dia 21, pela manhã.

 

De acordo com os carcinicultores, a Adema estaria fechando indiscriminadamente algumas fazendas de criação de camarão, embargando algumas que não poderiam ser embargadas, pois estariam cobertas pelo que prevê o a legislação. O assessor jurídico da ABCC, Marcelo Palma, disse que os produtores que já estavam nessa atividade até 28 de julho de 2008 não poderiam ser retirados da atividade. Eles esperam a mediação do governo do Estado para a solução dessa questão, até mesmo para que entrasse na Justiça pedindo a suspensão da liminar, o que daria à Adema mais tempo para fazer com tranquilidade a análise de cada caso, vendo quem poderia ser ou não licenciado e aí fiscalizar e embargar quem não estivesse enquadrado.

Foto: Ronaldo Sales

Edjane Oliveira, da Assessoria Parlamentar