Importância de evento que tratou sobre sementes crioulas é destacada por João Daniel


Aracaju, 4 de novembro de 2015

 

 

Participação significativa de movimentos sociais do campo no seminário que tratou sobre sementes crioulas

Movimentos sociais do campo, pesquisadores e estudantes do curso de especialização em Residência Agrária da Universidade Federal de Sergipe (UFS) participaram do 1º Seminário Estadual sobre Legislação de Sementes Crioulas. O deputado federal João Daniel (PT) destacou na Câmara a importância desse evento, pois foi uma oportunidade quando se pode discutir a implantação de uma política que beneficie os pequenos produtores. “Eles são os guardiões desse verdadeiro patrimônio do povo brasileiro que são as sementes preservadas e cultivadas por gerações de produtores rurais”, destacou o deputado, que participou do Seminário, realizado na última sexta-feira, dia 30, no auditório da Embrapa/SE.

 

O evento foi uma iniciativa da Rede Sergipana de Agroecologia (Resea), do Núcleo de Agroecologia da Embrapa Tabuleiros Costeiros e do Curso de Especialização em Residência Agrária. O objetivo foi debater a criação de uma política de sementes para Sergipe, através de ações do governo estadual que garantam recursos para o resgate, a multiplicação e a conservação de sementes de variedades locais, que são mantidas por famílias camponesas.
João Daniel ressaltou que, como bem afirmou durante o seminário a representante da Resea e do Movimento dos Pequenos Agricultores, Rafaela da Silva Alves, os pequenos produtores devem ter prioridade nas políticas públicas voltadas para o campo. A Resea tem sido um espaço que agrega diversos movimentos sociais de pequenos agricultores, ONGs e todos aqueles que defendem a agroecologia como a matriz política que deve orientar o nosso modelo produtivo no campo. “Entendemos que só esse modelo é capaz de gerar sustentabilidade. E são exatamente os pequenos camponeses que produzem mais de 70% do alimento que vai à mesa do brasileiro. A preservação e a recuperação dessas sementes são primordiais para que a gente continue produzindo”, frisou.

 

Participaram o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Movimento Camponês, Fetase, estudiosos e pesquisadores e a deputada estadual Ana Lúcia. “Em nome dos agrônomos, em nome de Rabanal, quero parabenizar todos os que organizaram esse importante seminário e dizer que o nosso mandato está à disposição”, afirmou.

 

Solidariedade
Em seu pronunciamento, o deputado se solidarizou com todos os servidores do Incra, pela morte do servidor Raimundo João, ocorrida na terça-feira. “Um grande líder, companheiro, um grande funcionário de carreira do Incra que nos deixou”, declarou João Daniel.
O deputado também deixou sua solidariedade aos deputados Chico Alencar e Jean Willys, ambos do PSOL. “Acompanhei e vi os embates e os enfrentamentos contra eles das mesmas forças reacionárias antidemocráticas que não respeitam aqueles que têm coragem, firmeza e projeto para este país. Apesar de serem da oposição ao nosso partido, têm coerência e merecem o nosso total respeito”, afirmou.

Por Edjane Oliveira, da Assessoria de Imprensa