Greve do INSS: João Daniel se dispõe a ajudar na interlocução com Ministério do Planejamento


Aracaju, 28 de agosto de 2015

O deputado federal João Daniel (PT/SE) colocou o mandato à disposição dos servidores do INSS para ajudar nas negociações da categoria. Desde o dia 9 de julho que os trabalhadores do Instituto estão em greve. O parlamentar participou da assembleia realizada pelos grevistas na manhã dessa sexta-feira, dia 28, no auditório da Sociedade Semear. Na ocasião, ele recebeu a pauta de reivindicação dos servidores do INSS, que não concordaram com a proposta de negociação apresentada pelo governo essa semana. “Colocamos nosso mandato à disposição para ajudar a categoria no que for possível, seja em pronunciamento ou ajudando a articular com a bancada do PT e com a liderança do governo”, disse.

 

João Daniel informou que está com reunião agendada para a próxima semana com o ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, e se dispôs a ajudar na interlocução e também a solicitar para que seja incluído na reunião algum representante dos servidores do INSS para que possa levar a pauta de reivindicação. “Essa é nossa obrigação como parlamentar e podem contar com nosso total apoio. O governo da presidenta Dilma se elegeu para mudar e continuar mudando o Brasil, para fazer um grande governo, com um serviço público forte e as categorias têm o direito de fazer greve e ir para as ruas e exigir seus direitos”, afirmou.

 

Na assembleia dessa sexta-feira, os servidores do INSS decidiram manter a greve, pois não concordaram com a proposta apresentada pelo governo federal, através da Secretaria de Relações de Trabalho no Serviço Público, do Ministério do Planejamento. Os grevistas esperam que haja uma melhora na proposta, especialmente no que se refere à reivindicação de jornada semanal de 30 horas, índice de reajuste salarial, percentual e prazo de vigência da proposta e o adiantamento da média das gratificações para janeiro de 2016.

 

Por Edjane Oliveira, da Assessoria de Imprensa