Governo Temer discrimina regiões Norte e Nordeste, afirma João Daniel


Aracaju, 24 de novembro de 2016

 

 

Em discurso na Câmara, o deputado federal João Daniel (PT/SE) cobrou de forma incisiva do governo federal medidas efetivas que viabilizem o andamento das obras do Aeroporto de Aracaju e do Canal de Xingó. Em sua fala, o parlamentar afirmou que este governo discrimina abertamente as regiões Nordeste e Norte do país. Ele lembrou que há uma emenda impositiva no valor de R$ 100 milhões, recursos garantidos para obras no terminal de passageiros e para o término da pista do aeroporto da capital sergipana. Mas não há retorno do governo.

 

De acordo com João Daniel, também foi aprovado na Comissão de Agricultura um requerimento para a realização de uma audiência, por solicitação do território do Alto Sertão sergipano, sobre as obras do Canal de Xingó, das quais, segundo ele, não se fala mais. “As obras tinham um projeto executivo já contratado. O projeto do Canal do Xingó, que vai beneficiar todos os municípios do Alto Sertão sergipano, foi discutido há muitos anos pelo Estado de Sergipe, especialmente pelo território do Alto Sertão sergipano e por partes da Bahia, já que também beneficia alguns municípios deste Estado”, acrescentou.

 

Na avaliação do deputado, este governo não dá atenção nenhuma à região Nordeste. Prova disso, acrescentou, é a crise que os Estados estão enfrentando e apenas alguns são privilegiados. “Queremos cobrar do governo federal e da Infraero uma posição e o imediato andamento desse projeto fundamental, que é o projeto do Aeroporto de Aracaju. Foram 100 milhões de reais de emenda impositiva aprovada no ano passado e, até agora, não se tem retorno, bem como não se tem retorno sobre as obras do Canal de Xingó”, afirmou. Para ele, as regiões Norte e Nordeste precisam levantar a cabeça e cobrar à altura, junto com a bancada e os governadores, os projetos estruturantes que estão parados e dos quais não se fala.

 

Por Edjane Oliveira, da Assessoria de Imprensa